Blog pendura chuteiras, mas folclore continua - Coluna Extra

Primeiro Digital - o blog do jornalista Alexandre Gonçalves

Destaques do site Farol Reportagem

Destaques do Laranjas - A verdade até as primeiras consequências

domingo, 9 de janeiro de 2011

Blog pendura chuteiras, mas folclore continua

O blog Folclore da Bola, blog aqui de Florianópolis que reúne pérolas do mundo do futebol, pendurou oficialmente as chuteiras no dia 2 de janeiro. Mas no último post, meu amigo Renato Pacheco profetizou o fim da novela Ronaldinho Gaúcho:
“Ronaldinho Gaúcho já pediu informações sobre o Rio e tudo indica que será o novo ídolo do futvolei do Flamengo”.
No post, Pacheco diz que os assuntos no mundo da bola são cíclicos. “Considerando o tempo que já fiquei postando aqui, desde novembro de 2006, temo tornar este blog repetitivo demais”. Mas considerando a quantidade de novas pérolas que o inacreditável leilão da dupla Ronaldinho/Assis já rendeu e que ainda renderá (frases, piadas, montagens, chutes e mais chutes da mídia esportiva...), não duvido que o Folclore da Bola fará jus ao nome e voltará tal qual Túlio, Viola e outros ex-jogadores em atividade. Por enquanto, reproduzo do blog Meio de Campo, do GloboEsporte.com, a piada mais óbvia no Gre-Nal dos micos: relacionar a perda de Ronaldinho do Grêmio para o Flamengo com a derrota do Internacional para o Mazembe no Mundial de Clubes.



Em tempo: Ronaldinho está em Florianópolis onde assistiu ao show de Amy Winehouse, neste sábado. Mas antes, segundo reportagem de Fabrício Escandiuzzi, do Terra, teria sido hostilizado numa casa noturna (Cafe de La Musique, segundo relatos no Twitter) e obrigado a ir embora escoltado por seguranças. No Meio de Campo, do GloboEsporte.com, a repórter Cíntia Barlem, reproduz tweets de torcedores que estavam na casa noturna (há relatos de dinheiro jogado no camarote do jogador...) e também diz que o Cafe de La Musique negou qualquer tipo de confusão envolvendo Ronaldinho Gaúcho. Leia aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário