Jornalismo sem esportiva - Coluna Extra

Primeiro Digital - o blog do jornalista Alexandre Gonçalves

Destaques do site Farol Reportagem

Destaques do Laranjas - A verdade até as primeiras consequências

sábado, 3 de julho de 2010

Jornalismo sem esportiva

O Sportv, canal de esportes da Globo, coroou sua equivocada cobertura da Copa (programas ruins, apresentadores equivocados e comentaristas insuportáveis, com exceção a Lédio Carmona, o mais ESPN do canal) com uma crônica da derrota do Brasil para a Holanda que beira a falta de ética. Na edição, pontuando o texto pesado, acrescentaram trechos daquela coletiva onde Dunga questiona o apresentador da Globo, Alex Escobar. Ou seja, não usaram a coletiva do jogo que ao qual a crônica, teoricamente, se refere. Revanchismo barato. Mesmo vendo uma série de erros cometidos por Dunga no comando da Seleção, me assustou o nível que o “canal campeão” chegou para mostrar sua indignação por não ter feito nesta Copa o que fez de melhor nas outras: transmitir aos treinos da Seleção, ao vivo, inclusive a roda de bobo. Mostrou que não assimilou o golpe sofrido nesta Copa e cometeu uma gafe muito maior que estender a mão para cumprimentar um convidado cego. Lamentável. Assista.

Um comentário:

  1. A imprensa, de um modo geral, é assim. Passional, covarde, arrogante. Seus comentaristas falam as maiores bobagens ao vivo, e depois descordam do que disseram como se nunca o tivesse feito. Comentam em cima do ocorrido, pois ao tentarem fazer previsões, são verdadeiros desastres. Exceções são poucas. Tomam para si as dores de seus empregadores e saem falando o que pensam, como se realmente poensassem. Nada pode contrariar seus comentarios e teorias, pois são Deuses do esporte. Uma pena ver uma critica tão pesada e sem propósito profissional. Mas esses são os caras pagos para formarem opinião dos torcedores brasileiros.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário