De “penteado” novo - Coluna Extra

Primeiro Digital - o blog do jornalista Alexandre Gonçalves

Destaques do site Farol Reportagem

Destaques do Laranjas - A verdade até as primeiras consequências

quarta-feira, 7 de outubro de 2009

De “penteado” novo

Quando a música “Matriz” começou a tocar nas rádios em 2005, a banda carioca Ramirez veio tocar em Florianópolis e participou de uma reportagem “didática” do programa Patrola, da RBS TV: num salão de cabeleireiro, os integrantes da banda serviram de cobaias para mostrar como fazer o penteado típico das bandas emo. Lembrei disso na semana passada, quando meu filho veio me mostrar uma música que ele tinha acabado de baixar. “Adivinha que banda é essa”. Pedi uma pista. Nem lembro qual foi a dica que ele me deu, mas respondi certo: “Ramirez, mas está muito diferente. Para melhor”. Sim, apesar de “Matriz” ser uma boa música, mesmo incluída na lista de “sucessos emo”, “Em Roma e Lyon” mostra que a banda entrou na máquina do tempo (foi estudar rock de verdade?) e adotou uma nova sonoridade e, por tabela, um novo visual, incluindo, ternos e novo penteado: completamente Beatles. E esse clima retrô está nos arranjos, no clipe de “Em Roma e Lyon” e também na capa do novo disco, Desembarque, que faz uma clara referência à foto dos Beatles desembarcando em Nova York. E ainda tem um vídeo no YouTube com a banda tocando “Nowhere Man” (Rubber Soul, 1966) e uma regravação de “Novos tempos”, parceria Fábio Jr. com Paulo Coelho, lançada em 1976 (curiosamente a letra fala sobre velhos tempos, mudanças...).

Assista ao clipe de “Em Roma e Lyon”. E se quiser confirar o “novo” Ramirez, Desembarque está disponível para audição e para download no site da banda.



[Siga as atualizações do Coluna Extra pelo Twitter: http://twitter.com/colunaextra.]

Um comentário:

  1. Outra referência aos Beatles que reparei depois: a tipologia do nome Ramirez, com o "i" em destaque lembra a logo clássica dos Beatles. E lá no MySpace da banda, para atestar a mudança de sonoridade, citam Beatles, Weezer, Roberto Carlos, Renato e seus Blue Caps como influências.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário