Ainda o descaso com os arquivos de O Estado - Coluna Extra

Primeiro Digital - o blog do jornalista Alexandre Gonçalves

Destaques do site Farol Reportagem

Destaques do Laranjas - A verdade até as primeiras consequências

quarta-feira, 24 de junho de 2009

Ainda o descaso com os arquivos de O Estado

O descaso com os arquivos do jornal O Estado continua gerando indignação e perplexidade. Diógenes Botelho, amigo dos tempos de curso de Jornalismo da UFSC e radicado em Brasília há muitos anos, escreveu um depoimento em seu blog sobre O Estado, lembrando sua passagem pelo jornal, recheada de fatos pitorescos que só ele sabe contar. Mas diante do cenário retratado pelo colega Celso Martins, Botelho não fez graça, muito pelo contrário:
Não consigo rir do presente de minha primeira escola de jornalismo. O Estado faliu há poucos anos, depois de mais de nove décadas de circulação e, nesta semana, recebo um retrato cruel do meu passado. A sede do prédio foi totalmente depredada, o arquivo fotográfico, testemunha da história catarinense, jogado ao chão, junto a ratos, baratas e infiltrações. O arquivo de jornais dilacerado sobre as cadeiras que sentei. Tudo de pernas para o ar. Agregado a cena, enxerguei o vulto abatido daquele menino encrenqueiro que durante cinco anos escreveu, lá, suas primeiras linhas.
Leia o post Um retrato cruel do meu passado.

O assunto também foi tratado pelo jornalista Moacir Pereira, em sua coluna no Diário Catarinense de hoje. Moacir, que durante muitos anos escreveu para O Estado, além de expor sua tristeza com o fato, escreve que o prédio do mais antigo diário de Santa Catarina foi arrematado em leilão da Justiça do Trabalho. “Além da irresponsabilidade, da omissão lamentável e do gesto insensível do antigo proprietário, para dizer o mínimo, também não dá para entender a decisão do arrematador, se é que já se apropriou do imóvel. Tinha ouro em pó, joias preciosas da memória catarinense, e ignorou-as completamente”, escreve.

[Siga as atualizações do Coluna Extra pelo Twitter: http://twitter.com/colunaextra.]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário