Quando o Twitter vai além dos 140 caracteres - Coluna Extra

Primeiro Digital - o blog do jornalista Alexandre Gonçalves

Destaques do site Farol Reportagem

Destaques do Laranjas - A verdade até as primeiras consequências

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Quando o Twitter vai além dos 140 caracteres

Estou entre aqueles que botam fé no Twitter como ferramenta para coberturas jornalísticas (de eventos, como a que fiz na Futurecom 2007, ou de acontecimentos, como os posts sobre as enchentes em Santa Catarina). E neste fim de semana, minha “fé” nesta possibilidade de uso do serviço de micropostagem aumentou consideravelmente quando acessei e testei o TwitBlogs, que é justamente isso o que o nome sugere: a soma de Twitter com blog. E como funciona?

O TwitBlogs é um site que funciona integrado ao Twitter e que basicamente permite ao usuário escrever mais do que 140 caracteres. Bem mais. O usuário acessa www.twitblogs.com, faz o login (o mesmo da conta no Twitter) e entra na área de postagem. Na área de postagem, ele encontra dois campos: um para escrever um título com até 120 caracteres e outro, para colocar texto (sem limite de tamanho), imagens ou vídeos (fiz uns testes). Assim que publicar, o título de até 120 caracteres é enviado automaticamente para o Twitter (vira post), já com o link do que foi postado no TwitBlogs. Simples e prático e com um detalhe interessante: os comentários que são publicados em posts no TwitBlogs viram replies no Twitter - a rede não pára de rodar.

E como o TwitBlogs favorece as coberturas jornalísticas? Explico com um exemplo prático: na cobertura da Futurecom, que citei acima, a idéia foi apostar em microposts e ganhar agilidade. Mas não pude fugir da obrigatoriedade de abrir um blog no Blogger para servir de “apoio” aos posts que publiquei no Twitter. Foi nesse blog que postei detalhes de produtos, fotos, etc.. Eu ia lá Blogger, criava o post de apoio, voltava ao Twitter, escrevia o post e indicava o link. O TwitBlogs facilita esse processo justamente por permitir que tudo seja feito em único lugar, sem descaracterizar a idéia de uma cobertura ágil e em cima do lance.

Um comentário:

  1. Anderson, depois que li esse seu texto também fiz um post em meu blog: http://mlonlinegeneration.wordpress.com/2009/01/09/corrompendo-conceitos/.

    Abs,
    Stelleo Tolda
    WWW.mercadolivre.com.br/mlog

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário