Vá buscar no Cuil - Coluna Extra

Primeiro Digital - o blog do jornalista Alexandre Gonçalves

Destaques do site Farol Reportagem

Destaques do Laranjas - A verdade até as primeiras consequências

segunda-feira, 28 de julho de 2008

Vá buscar no Cuil

Expressões como “googlar” e “põe no Google” já fazem parte do dia-a-dia e mostram que, em tese, não tem pra ninguém quando o assunto é site de busca. E a essa altura do campeonato, criar um concorrente para o Google pode ser um tiro n’água. Pode, mas não é para quatro ex-engenheiros do Google. Tom Costello, Anna Patterson, Russell Power e Louis Monier são os criadores do Cuil, um buscador que já tem indexadas 120 mil milhões de páginas e, dizem seus criadores, consegue indexar mais resultados, de forma mais rápida e econômica do que o Google.

O Cuil (lê-se cool) é notícia hoje em sites como o IDG Now! e Info Online. Ambos destacam que a busca feita pelo Cuil segue o modelo tradicional baseado em links e padrões de tráfego de audiência, mas que vai além: analisa também o contexto de cada página e o contexto de cada busca. Com isso, espera apresenta resultados pelos melhores conteúdos e não pela popularidade.

Fiz algumas buscas no Cuil e achei interessante. Foi para o favoritos. A página inicial é cool realmente. Preta, econologicamente correnta. Também gostei da maneira como os resultados são exibidos. O usuário pode escolher exibi-los em 2 ou 3 colunas (ao contrário do Google que mostra os resultados em “tripas” :). E também mostra resultados organizados em tags.

2 comentários:

  1. Para que serve um blog? Conversava sobre isso com um amigo dias atrás. A primeira resposta é: um blog precisa ser útil, apresentar novidades, links interessantes. É isso que encontro sempre aqui (ao contrário do meu :)
    congratulations!

    ResponderExcluir
  2. Valeu, ph. Mas sem essa de "ao contrário do meu". O legal dos blogs é esse balaio variado de estilos, temas, opiniões...A graça tá nisso.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário