<i>Heroes</i> e <i>Superheroes</i> - Coluna Extra

Primeiro Digital - o blog do jornalista Alexandre Gonçalves

Destaques do site Farol Reportagem

Destaques do Laranjas - A verdade até as primeiras consequências

terça-feira, 13 de março de 2007

Heroes e Superheroes

Na semana de estréia do seriado Heroes no canal pago Universal Channel, li uma notícia no site Omelete a respeito do interesse da Warner em produzir um filme da Liga da Justiça, aquela do desenho animado conhecido por aqui como Super-Amigos (com Superman, Batman, Mulher Maravilha, Flash, Lanterna Verde e outros). Como curiosidade, o Omelete citou um programa de TV produzido em 1979 que era justamente isso: a versão em carne e osso da Liga da Justiça, comandada por Adam West no papel do Batman “gordo”, o mesmo do clássico seriado da dupla dinâmica dos anos 60.

Batizado de Legends of the Superheroes, o programa é completamente trash, hilariante do início ao fim. Para se ter idéia, a “sala de Justiça” é, na verdade, um palco de um programa de auditório com direito até a apresentador tipo Sílvio Santos. Na tentativa de fazer rir, o programa coloca os super-heróis em situações vexaminosas. Por exemplo, o Bat-móvel deixa Batman e Robin na mão e os dois ficam tentados a trocá-lo por um Fusca usado caindo aos pedaços (acabam ficando com uma moto com sidecar).



Baixei o programa via torrent e é realmente divertido. Mas mesmo não sendo especialista em quadrinhos e levando em consideração que o programa é de 1979, fiquei com a sensação de que, pelo menos para mim, os super-heróis fantasiados (e não uniformizados como o X-Men) estão com os dias contados. Já não tem o mesmo apelo, ainda mais depois de assistir aos primeiros episódios de Heroes. O seriado, que será exibido também na TV Record (ainda sem data de estréia), conta justamente a história de pessoas comuns que descobrem ter poderes especiais. E seguem suas vidas lidando com isso, sem codinomes, sem identidades secretas, sem máscaras.

Para saber mais sobre Heroes sugiro uma visita ao blog Heroes Brasil.

Tags: ,

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário