Voz local - Coluna Extra

Primeiro Digital - o blog do jornalista Alexandre Gonçalves

Destaques do site Farol Reportagem

Destaques do Laranjas - A verdade até as primeiras consequências

terça-feira, 23 de janeiro de 2007

Voz local

Li no Acontecendo Aqui, que a TV Record está comemorando a boa audiência obtida com a transmissão do Campeonato Catarinense de Futebol, comprado com exclusividade pela emissora. Um dos trunfos da emissora é colocar os jogos no meio da semana às 20h30min e vender a idéia de que este é o verdadeiro horário nobre do futebol (e não depois da novela, como faz a Rede Globo). No entanto, a estratégia da Record merece uma correção: narrador e comentarista não são do estado, são da rede, no caso, Maurício Torres e Raul Plasmann. Como torcedor, fica a sensação de que, ainda que sejam competentes, são dois estranhos no ninho, que não vivem o dia a dia do futebol em Santa Catarina e estão sujeitos a deslizes bobos ao longo da transmissão. Melhor seria se a emissora também investisse em profissionais aqui do estado para criar um vínculo maior com telespectadores. Como vi o narrador Márcio Martins (ex-RBS e ex-SBT) no programa Terceiro Tempo, no domingo à noite, imagino que ele deverá assumir o comando nas próximas transmissões. Assim espero.

Tags:

2 comentários:

  1. É verdade. O Maurício chamou umas duas vezes o Zaltron de Marquinhos no jogo do Avaí contra o Joinville. E olha que eles são bem diferentes.

    ResponderExcluir
  2. Anônimo11:36 PM

    Acho que não compromete. Algumas rodadas a mais eles já se acostumam. Bobagem por bobagem os daqui tambêm cometem. Vai ser duro ver as narrações do Marcio Martins secando o Avaí, como ele faz de praxe. Prefiro a isenção e o profissionalismo alienígenas.

    R.Avila

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário