Globo de papel - Coluna Extra

Primeiro Digital - o blog do jornalista Alexandre Gonçalves

Destaques do site Farol Reportagem

Destaques do Laranjas - A verdade até as primeiras consequências

domingo, 19 de dezembro de 2004

Globo de papel

Cinco dos dez livros de não-ficção mais vendidos, segundo a Veja, tem algum tipo de relação com a Rede Globo (entre parêntesis, a posição no ranking):

Amor é Prosa, Sexo é Poesia, de Arnaldo Jabor (comentarista do Jornal Nacional, do Jornal da Globo e da rádio CBN) (1)

Roberto Marinho, de Pedro Bial (a história do fundador da Rede Globo pelo apresentador do Fantástico) (2)

Por um fio, de Drauzio Varella (depois de uma ótima série sobre maternidade, o médido, autor de Estação Carandiru, está no ar novamente como “repórter” do Fantástico numa série sobre alimentação) (3)

Jornal Nacional - A Notícia Faz História (escrito pela Memória Globo e fala do telejornal de maior audiência da TV brasileira) (4)

A Fantástica Volta ao Mundo, de Zeca Camargo (o editor, repórter e eventualmente apresentador do Fantástico colocou no papel a série de matérias que fez para o programa ao longo do ano) (10)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário