Dia do IPVA...atualizado! - Coluna Extra

Primeiro Digital - o blog do jornalista Alexandre Gonçalves

Destaques do site Farol Reportagem

Destaques do Laranjas - A verdade até as primeiras consequências

quinta-feira, 30 de setembro de 2004

Dia do IPVA...atualizado!

Trabalhei dobrado ontem para folgar hoje e enfrentar a maratona anual do pagamento do IPVA, disputada ali na rodoviária Rita Maria. Primeiro fila no Besc. Depois, fila do Detran. São vizinhos, mas também são quase gêmeos. E, por coincidência, costumam sofrer do mesmo mal: o sistema está fora do ar!

Conforme previsão...
11h40min: entrei na rodoviária. Não tinha fila no Besc. Oba! Mas a alegria durou pouco. Um cartaz na porta do posto avisa que “a partir do dia 13 de setembro pagamentos só em dinheiro ou cheque da agência” (esse é um aviso de utilidade pública - anota aí!). Achei estranho (me falaram que foi determinação da secretaria da Fazenda). Multa pode pagar com cheque de qualquer banco, impostos não. Não sou cliente do Besc e sempre paguei com cheque do Banco do Brasil. Para minha sorte, o caixa eletrônico do BB do Rita Maria estava funcionando. Saquei o dinheiro e voltei para o Besc. Sem fila. Ao meio-dia o IPVA estava pago.

12h: entrei no posto do Detran. Peguei a senha 571. Estavam atendendo a senha 547. Ok, fiquei ali, vendo TV. Cinco minutos depois, a funcionária avisa:

- O sistema caiu. Está fora do ar e só volta daqui a meia-hora.

Aí rolou aquela revolta. E o povo que estavá foi se levantando, xingando o Detran. Nisso, reparei numa aviso pendurado perto dos terminais de atendimento. Dizia algo assim:

- Desrespeitar funcionário público no exercício de sua função ou em razão desta é passível de detenção, segundo portaria tal.

E todo mundo foi saindo. Sobraram umas 4 pessoas. Eu fiquei. Só fui até a banca, comprei o DC e a Folha e voltei. Fiquei lá. Mas não cheguei nem no caderno de variedades do DC. O sistema voltou às 12h20min. Uma moça com a senha 558 foi atendida. E logo depois, eu, com a senha 571. IPVA resolvido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário