É fria! - Coluna Extra

Primeiro Digital - o blog do jornalista Alexandre Gonçalves

Destaques do site Farol Reportagem

Destaques do Laranjas - A verdade até as primeiras consequências

quinta-feira, 17 de junho de 2004

É fria!

Quem assistiu Independence Day não precisa perder seu tempo com O dia depois de amanhã. O diretor é o mesmo. E para entender do que se trata basta dizer que os alienígenas foram substituídos por um descompasso climático que provoca temperaturas de -65 graus. O que isso provoca? Ondas enormes que invadem as ruas de Nova York e que depois cobrem de neve e gelo até a Estátua da Liberdade. Já viu isso em algum lugar?
Em tempo: Tive que fazer uma hora no centro e acabei parando no Beiramar Shopping e como já tinha visto Harry Porter com meu filho no fim de semana, não restou outro alternativa a não ser o "filme" citado acima. Foi a segunda roubada que entrei por causa das poucas opções de salas de cinema em Florianópolis. Noutra vez, peguei uma fila daquelas para assistir Minority Report. Quando cheguei na boca do caixa, recebi a informação:
- Acabaram os ingressos para esse filme. Agora só tem para Resident Evil.
Como já estava ali, topei o desafio. O filme, baseado em um videogame, é uma porcaria. O mais engraçado, no entanto, foi ver que outras pessoas que estavam na fila comigo embarcaram na mesma barca furada. Foram ver o ótimo Minority Report, mas na falta de ingressos acabaram assistindo Resident Evil. Foi curioso ver tantos casais, muitos já com cabelos brancos, entrando com suas pipoquinhas, escolhendo o melhor lugar para assistir uma bobagem daquelas.
A falta de opções para quem gosta de cinema é tanta que no domingo fiquei com saudades até do Cine Ritz. Para quem é de Floripa sabe o que isso significa. Para quem não é, basta dizer que era o cinema mais mal cuidado da cidade. Pelo menos era com o maior número de histórias sobre ratos (cinéfilos?) que viviam circulando pela sala. Foi nesse cinema que assisti a praticamente todos os filmes dos Trapalhões. Hoje, é sede da igreja Renascer em Cristo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário